Category Archives: Avaliação Escolar

A prova não comprova

Já pensei muito sobre isso, escrevi e ainda não estou satisfeita, afinal, o que é a prova? Pensando bem minuciosamente, são questões preparadas diante daquilo que o professor explicou onde o aluno irá responder e se souber, obterá uma nota a qual vai definir se ele aprendeu, caso contrário, não aprendeu. Faz sentido isso para você?

Uma prova, independente de ser dissertativa ou objetiva sempre será redundante e não consegue extrair do aluno tudo o que ele sabe. Obviamente que você, caro leitor, deve estar pensando que o professor não avalia apenas por ela, mas, acredite, há quem o faz. 

Nesse sentido, precisamos repensar esse método avaliativo que por muito tempo vem sendo algo prático e documentado, mas que estamos vendo que não é um método diagnóstico. Estamos diante de um tempo em que o olhar atento ao aluno em sua totalidade é mais importante, o olhar de uma aprendizagem significativa, do fazer sentido, do poder da empatia. E estamos nos contradizendo ao pensar nisso se o que passa o aluno adiante são de fato a prova. 

Portanto, se já percebemos insatisfação da prova como método avaliativo, aos poucos devemos mudar essa realidade. O leque avaliativo para diagnosticar aprendizagem dos alunos é enorme, trabalhos individuais, em grupo, projetos e atividades, mas e então, por quê insistir na prova?

REFERÊNCIAS

Imagem retirada do link:
https://www.qconcursos.com/artigos/pergunte-ao-especialista-quais-os-tipos-de-provas

Nota pode ser uma ferramenta positiva?

Sim. Mesmo tendo falado tanto em como pode ser prejudicial, hoje venho dizer que existem mais possibilidades. A nota por si só, se usada de forma simples, num simples cálculo de soma e divisão de médias, pode não ser tão boa para os alunos. Mas hoje quero trazer aqui, para refletirmos sobre uma outra visão, o processo de aprendizagem em relação a nota. Calma, vou esclarecer. O que quero dizer é que a nota não se torna tão pesada se tivermos métodos de ensino criativo. Por exemplo, você pode ter como método avaliativo prova se o conteúdo for explicado de forma teórica  e prática, com trabalhos criativos, que instiguem o aluno a pesquisar, que ele entenda a lógica do seguinte conteúdo. Penso que se o conteúdo for bem trabalhado, onde o educador percebe que a turma domina o tema, fica muito mais leve fazer uma prova, os alunos estarão mais seguros, e a escola toda sai ganhando. Além disso, podem existir outros métodos avaliativos durante um trimestre, como trabalhos práticos, pesquisas, entre outros, que podem ser intercalados com as provas.

Referências

Imagem retirada do link: https://help.blackboard.com/pt-br/Learn/Instructor/Interact/Course_Groups

Repensando métodos avaliativos

Esse é mesmo um assunto complicado né galera! Provas, avaliações, exames, do que quer que chamem, elas sempre são nossas pedrinhas no sapato, tanto dos alunos, como de muitos professores. Porque assim como vocês não gostam delas, nós, professores, também gostaríamos de fugir desse método. Mas a questão é: como? Como avaliar os alunos sem a tal da nota? Bem, quero começar dizendo que só por nos questionarmos sobre isso já é um avanço. Muitos de nós já sabemos que os nossos alunos se sentem pressionados, e que boa parte do que sabem se perde aí, no sistema nervoso. Fora, a competição que muitas vezes acontece por parte dos colegas em relação a esses resultados, dessa forma a prova deixa de ser um método diagnóstico e passa a ser um método excludente. E não deveria ser assim. A escola é um lugar de troca, aprendizado, e assim, passa a ser um grande exame. Uma peneira. Nos próximos posts vou falar sobre uma escola nova, métodos da escola da Ponte, entre outras. Mas voltando as notas, nós não temos uma receita, ou uma solução imediata para isso, o que temos é ideias novas para irmos adaptando essas mudanças em um coletivo. Claro, é preciso que a escola inteira se disponha a mudar, e principalmente a tentar. Por mais planejado que seja, sabemos que são tentativas, e sempre precisamos do plano B, até o C, para começar a dar certo. O caminho é a criatividade. As possibilidades estão aqui, na nossa cabeça. Podemos sim fazer um projeto, onde os alunos construam, criem e apliquem conteúdos que aprenderam durante o semestre por exemplo, e isso pode ser sim avaliado, o desenvolvimento de cada aluno. Porque uma nota?

Referências

Imagem retirada do link: https://claudiododt.wordpress.com/tag/certificacoes/