Cidadania: muito além do dicionário

O que é cidadania? É a prática dos direitos e deveres de todos os cidadãos. Mas, e o que é cidadania nos dias de hoje? Bem, na minha visão, exercê-la não é tarefa fácil, exige consciência de sociedade, de pluralidade. É se dar conta que não estamos sozinhos, que tudo o que fizermos a comunidade, a cidade, ao meio ambiente, será também para mim, para todos, para o futuro, dos meus filhos, por exemplo.

Hoje em dia, está ainda mais difícil por um outro agravante, a confusão que é feita entre outros fatores que convivemos, por exemplo, a política, a segurança, os interesses públicos. Essas questões não têm a ver com a cidadania.

O que acontece é uma jogo de culpa, se algo não vai bem, se nos indignamos com algo que não nos é dado e é de direito, logo, vamos deixar de cumprir também. Não tendo mais ânimo, motivação diante a tantas negligências.

Porém, se agirmos assim, estaremos sendo condizentes com atitudes falhas, assim como aqueles que falham conosco. Precisamos lembrar que, cidadania é dever e direito de todos.

Mas ser cidadão é muito mais que obrigações. Ser um cidadão em sua totalidade é também ter seus direitos garantidos, e se não, outro ato que condiz é lutar por eles. No momento em que estamos, ir às ruas se manifestar, tomar atitudes quando temos alguma questão diária que sabemos que podemos reivindicar, sim, esse é o nosso papel.

Bem, e se você está tão indignado, ou não tem o hábito de exercer atitudes de cidadania, nem as que são de direito, e tampouco os deveres, lembre-se que de alguém precisa vir o certo, que seja então você um deles. Se por uma série de más atitudes temos a desordem, que se comece uma série de boas atitudes para nos organizar.

Referências:

Imagem retirada do link: https://www.dnacidadania.com.br/diferencas-entre-nacionalidade-e-cidadania/

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *